UEL 2005

28- Entre 1960 e 1980 o êxodo rural brasileiro alcançou
um total de 27 milhões de pessoas. Poucos países
conheceram movimentos migratórios tão intensos,
quer se considere a proporção ou a quantidade
absoluta da população rural atingida. A importância
do êxodo rural é confirmada quando se examinam os
dados dos últimos 50 anos: desde 1950, a cada 10
anos, um em cada três brasileiros vivendo no meio
rural migrou para as cidades e na década de 1990,
esta tendência se manteve. Assinale a alternativa que
apresenta causas estruturais do êxodo rural, no
Brasil, durante esse período.
a) Declínio da produção agrícola nacional, que perde
espaço à medida que a industrialização avança nas
cidades.
b) Mecanização da agricultura e industrialização do
campo, fatores que suprimem mão-de-obra e
transformam as várias formas de propriedade.
c) Esgotamento do solo em razão da permanência de
formas arcaicas de produção, protegidas pelo
Estatuto da Terra.
d) Inexistência de aposentadoria rural para os pequenos
produtores, forçando-os, assim, à transferência para
os centros urbanos em busca de direitos sociais.
e) Garantia que os agricultores têm de que nas cidades
serão assegurados a si e a seus filhos, melhores
empregos, principalmente, nos grandes centros
urbanos.
resposta: B
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog Stats

  • 702,978 visitas
%d blogueiros gostam disto: