UEL 2006

33- A categoria que comanda as relações entre o
homem e a natureza é, para a modernidade
ocidental, a da produção, concebida como ato de
subordinação da matéria ao desígnio humano. A
reprodução das sociedades indígenas é, ao
contrário, concebida e vivida sob o signo de uma
troca de propriedades simbólicas entre os
humanos e os demais habitantes do cosmos
(troca que pode ser violenta e mortal, sem deixar
de ser social), não de uma produção de bens
sociais a partir de uma matéria informe. (Adaptado
de: CASTRO, Eduardo V. Sociedades indígenas e
natureza na Amazônia. In: SILVA, A. L; GRUPIONI, L.
D. B. (Orgs.) A temática Indígena na Escola. Brasília:
MEC, 1995. p. 117-118.)
Com base no texto e nos conhecimentos sobre o
tema, é correto afirmar:
a) A produção de bens sociais a partir de uma
matéria uniforme é o que caracteriza as
sociedades indígenas.
b) Os povos indígenas objetificam a natureza por meio
de relações estritamente violentas e mortais.
c) A reprodução das sociedades indígenas funda-se
na irrestrita subordinação da matéria aos
desígnios humanos.
d) As relações entre os indígenas e a natureza
estão fundadas em uma história de adaptação
passiva ao cosmos.
e) A troca de propriedades simbólicas caracteriza as
sociedades indígenas em sua relação com a natureza.
resposta: E
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog Stats

  • 743,865 visitas
%d blogueiros gostam disto: